Free delivery when you spend over £100. Offer available until 16/10/16
Países com melhor desempenho energético
Dezembro 22, 2022 smartadmin

Países com melhor desempenho energético

Posted in Uncategorized

Uso Racional e Inteligente de Energia X Impactos ao Meio Ambiente 

A aplicação otimizada ou inteligente das fontes de energia, em outras palavras, Eficiência Energética (EE), tem se destacado cada vez mais como tema de relevância mundial, sobretudo quando está diretamente relacionado a outros assuntos de igual ou maior relevância, como por exemplo, recursos financeiros e proteção ao meio ambiente. A Eficiência Energética desempenha um papel essencial na mitigação de fatores que provocam as mudanças climáticas e geralmente é a maneira menos dispendiosa de atender à nova e atual demanda mundial por energia

Os aspectos e desdobramentos sobre estes temas são tão importantes que mundialmente existem diversas organizações, comitês, ongs, associações e outros organismos que estão preocupados com o uso e destino das fontes de energia do planeta, bem como com os impactos ambientais causados por algumas delas. Um desses organismos é o ACEEE (Amercian Council for an Energy-Efficient Economy) – www.aceee.org – organização internacional de pesquisas sem fins lucrativos criada em 1980 e com sede em Whashington, DC/EUA, cujo propósito é desenvolver políticas transformadoras para reduzir o desperdício de energia e combater as mudanças climáticas, assunto que há décadas ocupa espaço nos meios de comunicação do mundo. 

O ACEEE atua de forma independente e tem como um de seus objetivos auxiliar na construção, através de pesquisas, de um cenário socioeconômico igualitário, que promova o uso mais eficiente e produtivo da energia, a fim de gerar o bem-estar econômico de todos com saúde, redução de custos e que ao mesmo tempo proteja o meio ambiente contra a ação de agentes sabidamente nocivos à diversidade da vida natural em nosso planeta.

 

Um pouco do que a ACEEE faz – Resumo

Periodicamente o ACEEE faz um balanço geral a respeito da situação de alguns países no que se refere aos esforços realizados no sentido de planejar e colocar em prática, ações de eficiência energética e que ao mesmo tempo buscam avaliar o desempenho das políticas ambientais destes países. Este balanço denomina-se ACEEE International Energy Efficiency Scorecard. Trata-se de um relatório de progresso das políticas e programas governamentais de incentivo à economia de energia, relacionados com a geração de benefícios ambientais e econômicos efetivamente alcançados, abrangendo parâmetros e métricas específicas de pontuação. Para verificar o desempenho e progresso das políticas, são utilizados dados governamentais oficiais disponibilizados por cada nação.    

Em sua 5.a edição (abril/22) o ACEEE International Energy Efficiency Scorecard apresentou algumas informações de desempenho das políticas de 25 dos principais países consumidores de energia do mundo. Juntos, esses países respondem por cerca de 82% da energia consumida no planeta e são responsáveis por pouco mais de 80% do produto interno bruto (PIB) mundial. Na oportunidade foram avaliados e pontuados os esforços de eficiência de cada país utilizando parâmetros e métricas distribuídas em quatro categorias: 

  1. Edifícios c)   Transportes
  2. Indústrias d)   Eficiência energética nacional

Para cada categoria foram verificadas as ações de eficiência energética e atribuídos 25 pontos para cada uma, assim a pontuação máxima que será obtida como avaliação é de 100 pontos, sendo que a exemplo do que foi feito na edição anterior, o ACEEE International Energy Efficiency Scorecard, dentro do total de 100 pontos possíveis, conferiu “peso” 60 para a prática das políticas e “peso” 40 para o desempenho obtido. Por intermédio destas métricas o ACEEE acredita que os resultados demonstram qual o grau de comprometimento de cada país com o desenvolvimento e aplicação de melhores práticas (políticas) no tocante à redução de consumo de energia (padrões de consumo de combustíveis, padrões de consumo de energia na indústria e padrões de eficiência energética aplicados em aparelhos e equipamentos). 

 

Alguns resultados divulgados no SCORECARD

Do total máximo de 100 pontos, a França foi o país que alcançou a maior pontuação com 74,5 pontos, seguida de perto pelo Reino Unido que alcançou 72,5 pontos. Completando o rol das 5 primeiras posições vieram Alemanha, Holanda e Itália. Porém, cada um obteve maior destaque em determinada categoria; o Japão, por exemplo, ficou em 1.o lugar na categoria da indústria, enquanto o 1.o lugar na categoria dos transportes ficou com a França. As pontuações mais baixas foram obtidas por Arábia Saudita (25 pontos), África do Sul (23,5 pontos) e Emirados Árabes Unidos (21,5 pontos). A figura 1 abaixo mostra a classificação do Scorecard por país avaliado, agrupando-os de acordo com sua pontuação:

  Figura 1

 

No Scorecard foram destacados ainda, os países que estão entre os maiores consumidores mundiais de energia primária1. A figura 2 apresenta estes dados:

1 energia primária: é a energia contida nos combustíveis brutos que não foi submetida à conversão ou transformação através de qualquer processo de engenharia.

 

Figura 2

Consumo total de energia primária em quilotoneladas equivalentes de petróleo (Kton-e)

 

Dados de 2018; fonte EIA 2021c

 

Jaime Scussel

Diretor Executivo

 

Referências:

https://www.aceee.org

https://www.aceee.org/international-scorecard

https://www.aceee.org/sites/default/files/pdfs/2022_International_Scorecard/Brazil%20One-Pager.pdf

https://www.iea.org/reports/world-energy-outlook-2021

Comentários (0)

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

*

Fale Conosco pelo WhatsApp